Seguro viagem para gestante

Seguro viagem para gestante: como escolher o seu?

Contratar um seguro viagem é essencial para qualquer pessoa que esteja programando viajar, principalmente quando o destino é internacional. No caso de uma mulher grávida, a atenção deve ser redobrada, pois imprevistos podem acontecer e nada mais importante do que ter contratado um seguro viagem para gestante que dê a garantia de cobertura de eventuais despesas médico-hospitalares que porventura surjam durante a viagem.

Fizemos uma viagem de 23 dias pela Europa durante a minha gravidez e tive a maior cautela ao contratar um seguro próprio que cobrisse qualquer imprevisto que pudesse surgir durante a viagem.

Naquela ocasião, eu estava viajando no início do 7º mês de gravidez e o temor de ter um parto prematuro existia, pois não era a nossa vontade ter o bebê fora do Brasil. Ainda bem que deu tudo certo e voltamos para casa sem nenhum imprevisto!

Seguro viagem para gestante: como escolher o mais apropriado para você

Antes da viagem, pesquisei muito se existia um seguro viagem próprio para gestante, já que a cobertura oferecida pelo cartão de crédito não cobre despesas decorrentes da gestação e não é qualquer seguro que cobre as grávidas que viajam para o exterior.

É isso mesmo: não basta simplesmente contratar qualquer seguro viagem se você estiver grávida, pois nem todos os planos das seguradoras de viagem cobrem gestantes.

Além disso, até mesmo os planos que oferecem esse tipo de cobertura, fazem restrições tanto quanto ao período da gestação como também pela idade da mulher grávida.

Algumas seguradoras também solicitam autorização por escrito do médico.

Dessa forma, antes de adquirir um seguro viagem para gestante, verifique com a seguradora ou com a corretora de seguros todas essas especificações e se eventuais complicações decorrentes da gravidez são cobertas por determinado seguro.

Só para exemplificar, seguros como da Travel Ace e da Affinity cobrem gestantes até a 34ª semana de gestação e que tenham autorização por escrito do médico responsável. Os seguros da GTA e da Vital Card até a 32ª semana; e o da Mondial Assistance e da Assist Card até a 28ª semana.

Mas por que é tão importante conferir essas coberturas? Para se ter uma ideia, a diária de internação nos Estados Unidos, por exemplo, possui um custo médio US$ 2 mil, sendo que o custo de um parto pode ser superior a US$ 50 mil. Outros valores que chamam a atenção são relativos a anestesista (custo médio de US$ 2 mil), ultrassom (pode custar US$1.600)  e exames de sangue (que podem sair por cerca de US$900).

O grande detalhe é que nos Estados Unidos o sistema de saúde é PRIVADO, inclusive para os americanos. Ou seja, tendo uma complicação por lá, a conta com certeza vai chegar pra você.

Já na Europa, embora exista a saúde pública, esse benefício é para os europeus. Nós brasileiros não temos direito de usufruir do sistema de saúde pública em diversos países europeus.

Qual foi o seguro viagem para gestante que eu contratei?

Pode acreditar: eu pesquisei MUITO sobre o seguro ideal para a minha viagem. Li muita coisa na internet e cheguei a ligar para a seguradora para tirar todas as minhas dúvidas e ter a certeza de que poderia viajar tranquila.

Havia várias opções de seguro e acabei optando pelo seguro GTA 55 Euromax, com cobertura para médica para gestante, uma franquia para despesa médico-hospitalar no valor de €55 mil e suporte via WhatsApp.

Dentre as cláusulas do seguro contratado, grifei as mais importantes:

  • Somente poderão contratar esta cobertura as grávidas com idade igual ou inferior a 40 anos e com até 32 semanas de gestação na data do embarque;
  • Em caso de contratação de coberturas de despesas médico-hospitalares, estão considerados os gastos decorrentes da internação e tratamento do recém-nascido prematuro, até o limite de 30 diárias hospitalares e ao esgotamento do capital segurado, o que ocorrer primeiro.
  • Em caso de contratação de seguro por grávida cuja idade gestacional estimada seja superior a 28 semanas na data de embarque, a gestante deve obter, em data anterior ao início da viagem, declaração de médico ginecologista e obstetra atestando a boa evolução da gestação e autorizando o embarque em transporte aéreo, ferroviário, rodoviário ou marítimo.

⚠É importante que você saiba que esse foi o seguro que eu escolhi para a minha viagem, e que, caso você esteja grávida, não precisa necessariamente contratar o mesmo seguro. Há outras opções de seguro viagem para gestante e você só precisa verificar o que cada um exige.

Em Madri, Espanha, um dos 6 países por onde passamos grávidos!

O seguro GTA Euromax 55 só é válido na Europa?

Não! Embora o seguro tenha uma cobertura em euros, ele não é válido apenas na Europa. Inclusive, uma amiga minha que viajou grávida para os Estados Unidos contratou esse mesmo seguro aqui no blog.

Caso uma gestante queira contratar o seguro GTA Euromax 55 e a viagem seja para qualquer outro destino fora do continente europeu, em caso de necessidade de uso, aquela franquia no valor de €55 mil será convertida para dólares.

O seguro viagem, com cobertura mínima de 30 mil euros, é obrigatório para entrar na Europa

O que o seguro que contratei não cobre?

Sempre que contrato qualquer serviço, sou muito atenta aos detalhes e tive o maior cuidado de ler todos os termos da apólice, bem como os termos de uso do seguro que contratei.

No caso do seguro que contratei para a minha viagem para a Europa, estão excluídos da cobertura:

  • Qualquer tipo de parto, natural ou cirúrgico, ocorrido após a 32ª semana de gestação, exceto se provocado por acidente pessoal;
  • Despesas com o recém-nascido, incluindo internação em UTI neo-natal e demais despesas médicas e hospitalares ocorridas após o 30º dia do nascimento;
  • Abortos provocados;
  • Consulta ou atendimento ambulatorial para acompanhamento da gravidez (pré-natal);
  • Despesas com acompanhantes.

⚠Em conversa com a seguradora foi dito que nenhum seguro viagem cobre despesa com parto programado, ou seja, esses seguros não cobrem aqueles casos de mulheres que desejam ter seus bebês fora do Brasil. O que o seguro cobre é aquele tipo de parto que não estava previsto, mas que, por algum infortúnio, aconteceu – parto prematuro não programado, por exemplo. É por isso que existe uma limitação da idade gestacional da mulher.

Como eu viajei com 27 semanas de gestação e retornei com 31 semanas, estava super tranquila em saber que eu preenchia os requisitos do seguro contratado.

Resumo do que é importante saber antes de contratar um seguro viagem para gestante

Em caso de viagem de mulher grávida, antes de contratar o seguro viagem para gestante, é muito importante ter atenção aos seguintes detalhes:

  • Tempo de gestação (em semanas) no início da viagem;
  • Idade da gestante;
  • Idade gestacional na volta da viagem;
  • Necessidade de atestado médico autorizando a gestante a viajar;
  • Franquia do seguro escolhido.
Ainda está com dificuldade em contratar o seguro viagem próprio para gestante? Entre em contato conosco!

Se você ainda está com dificuldade em contratar um seguro viagem para gestante; se há ainda muitas dúvidas, sinta-se à vontade para deixar um comentário aqui nessa postagem.

Se mesmo assim estiver insegura, pode enviar um mail para: [email protected] para que possamos te ajudar.

Oferecemos suporte caso você precise utilizar o seguro durante a viagem se a contratação for feita através do nosso blog!

❗Os leitores do Projeto 101 Países têm um desconto de 5% ao contratar o seguro através do nosso link de afiliado! Quando estiver finalizando a compra, basta colocar o nosso cupom de desconto: PROJETO1015.

Leia também:

Organize sua viagem com a gente:

 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades – utilize o cupom de desconto exclusivo para leitores do blog! Digite: PROJETO1015 ao final da contratação.

Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em até 140 países! Você recebe o seu chip da Easysim4u em casa e viaja conectado.

Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

Compre ingressos para passeios e atrações turísticas em mais de 20 países – evite filas e ganhe descontos!

Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente

Trackbacks for this post

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados * *