Certificado de vacinação contra covid-19: gratuito e digital

Certificado de vacinação contra covid-19: gratuito e digital

Desde que surgiu a covid-19, todas as pessoas tiveram suas vidas impactadas. O vírus se espalhou por todas as partes do mundo, todos tiveram que, de alguma forma, mudar diversos hábitos, como usar máscaras, manter distanciamento social e adotar diversas medidas para evitar a contaminação com esse novo coronavírus.

Quando a covid-19 foi declarada pandemia mundial, estávamos em uma viagem de férias em Cabo Verde e voltamos ao Brasil sem ter a mínima noção do que aconteceria nos meses seguintes.

Assim como muitos, cancelamos inúmeras viagens, nos isolamos em casa e ficamos à espera do dia em que isso tudo fosse acabar e a vida voltasse ao normal.

Infelizmente, muitas pessoas perderam suas vidas para essa doença, mas a vacina chegou para nos dar esperança de dias melhores.

Muita gente ainda tem dúvidas sobre as vacinas contra a covid-19, suas eficácias e se será necessário emitir um certificado de vacinação contra covid-19 para viajar ao exterior.

Covid-19: vacinas e certificado

Quais são as vacinas contra a covid-19?

Atualmente são aplicadas 5 vacinas no Brasil:

CoronaVac

Criada pela farmacêutica Sinovac, essa vacina é produzida pelo Instituto Butatan e utiliza o vírus inativado da Covid-19. Essa é a forma mais comum de se produzir vacinas.

Ao ser injetado no organismo, o vírus não é capaz de causar doença, porém induz uma resposta imunológica

AstraZeneca

Desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford, é produzida no Brasil pela Fiocruz e utiliza o adenovírus, que é um vírus “vivo”, mas que não é o coronavírus. Esse vírus é inofensivo, pois não tem o poder de se replicar.

Como o organismo identifica esse “corpo vivo”, é projetada uma carga máxima contra o intruso gerando uma resposta imunológica.

Pfizer

O imunizante da farmacêutica Pfizer em parceria com o laboratório BioNTech utiliza a tecnologia do RNA mensageiro, que leva uma “mensagem”até as células contendo as informações genéticas do vírus.

Janssen

Produzida pela farmacêutica Janssen, do empresa Johnson & Johnson, é uma vacina em dose única que utiliza a tecnologia semelhante à AstraZeneca com um vetor viral, baseado em um tipo específico de adenovírus que foi geneticamente modificado para não se replicar em humanos.

Qual a melhor vacina contra covid-19?

Já foi comprovado cientificamente que todas as vacinas atualmente aplicadas no Brasil são EFICAZES e por esse motivo nenhuma é melhor que outra. Algumas provocam mais reações, outra menos, mas o fato é que todas imunizam a população contra a covid-19.

Pra gente, não importava a vacina que fosse aplicada quando chegasse o nosso dia, o que queríamos mesmo era garantir a nossa imunização.

Por ser gestante, consegui ser imunizada com a CoronaVac antes de abrir a vacinação para a minha faixa etária e meu marido foi imunizado com a Pfizer no dia em que foi permitida a vacinação para a sua idade.

Felicidade em ter sido completamente imunizada com as duas doses da vacina contra covid-19!

Sentimos uma mistura de felicidade, emoção e esperança por dias melhores. Após todas as doses necessárias para cada tipo de vacina, sabíamos que estaríamos imunizados e assim não só estaríamos protegidos, mas também protegeríamos o nosso filho pequeno e a nossa filha que está para nascer.

Vacina é um pacto coletivo e quando nos vacinamos estamos nos protegendo e também protegendo toda a coletividade.

Vale a pena tomar a vacina contra a covid-19?

Se formos pensar em toda a coletividade, sabemos que não há outra forma de impedir que um vírus se dissemine se não for através da vacina.

Vacinas são aplicadas há muitos anos e a vacinação em massa sempre se mostrou eficaz contra diversas doenças.

Mesmo com muito pouco tempo de aplicação das vacinas contra covid-19 no planeta, já ficou provado que imunização  em massa tem diminuído de forma substancial as mortes decorrentes da covid-19 em vários países do mundo.

Embora nem todas as pessoas pensem da mesma forma, sabemos que o fato de não se vacinar contra covid-19 poderá ser um impeditivo para viagens internacionais. E é sobre esse tema que iremos abordar abaixo.

É necessário ter um certificado de vacinação para viajar?

Apesar de estarmos vivendo momentos ainda de muita indecisão, o fato é que quem quer viajar para fora do Brasil terá, a princípio, que emitir um certificado de vacinação contra covid-19 para poder entrar em alguns países.

Não sabemos quais países cobrarão o certificado e nem se será um requisito obrigatório para sempre, como o certificado internacional de vacinação contra febre amarela, que muitos brasileiros precisam apresentar ao chegarem nas imigrações em alguns destinos internacionais.

Já existem países adotando o certificado de vacinação contra covid-19 como exigência, seja para admissão naquele país, como a Suíça, ou para ter a dispensa da quarentena, como o Canadá.

Como emitir o certificado de vacinação contra covid-19?

O certificado de vacinação contra covid-19 é emitido através do app Conecte SUS, disponível tanto para sistema operacional Android quanto iOS, ou através do site oficial.

Ao baixar o app, basta criar uma conta, caso não tenha cadastro no site gov.br, e acessar usando seu número de CPF e a senha cadastrada.

É bem simples fazer o cadastro no app, pois o sistema é bem intuitivo. Assim que realizei o meu cadastro, apareceram todas as minhas informações sobre as duas doses das vacinas que eu havia tomado.

Atualmente o Conecte SUS apresenta somente os dados de vacinação contra covid-19 e os registros da vacina podem estar disponíveis em até 10 dias após a entrada nos sistemas de informação.

Após criar a conta, acesse o app e clique em “vacinas”, onde é possível acessar os dados das doses tomadas contra a covid-19.

 

No próprio aplicativo ou no site oficial é possível emitir a carteira de vacinação digital, disponível, inclusive, para quem tomou apenas uma dose e ainda não tenha completado o ciclo vacinal.

Já o certificado de vacinação contra covid-19 só aparece para quem foi completamente imunizado. Esse certificado está disponível tanto em português, quanto em inglês e espanhol.

Observe na foto abaixo que o campo sinalizado com a seta amarela aponta para a carteira de vacinação digital. Caso a pessoa esteja completamente imunizada, ao clicar no campo onde constam as doses tomadas, abrirá um novo campo onde será disponibilizado o certificado de vacinação (siga as setas vermelhas).

Para conseguir emitir o certificado de vacinação em outros idiomas, basta clicar na bandeira e aparecerá as 3 opções.

No momento ainda não existe uma determinação da OMS nem do Ministério da Saúde para a emissão de um certificado internacional de vacinação contra covid-19.

Dessa forma, o certificado de vacinação contra covid-19 emitido pelo Conecte SUS não é, no momento, oficialmente aceito em outros países. Na própria carteira digital de vacinação consta expressamente que o documento é válido somente em território nacional.

Por isso, ao programar qualquer viagem ao exterior, é importante verificar antecipadamente se o documento atende aos critérios estipulados pelo país para o qual você pretende viajar, pois, do contrário, a viagem poderá não se realizar.

Organize sua viagem com a gente:

 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades – utilize o cupom de desconto exclusivo para leitores do blog! Digite: PROJETO1015 ao final da contratação.

Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em mais de 165 países! Você recebe o seu chip do Easysim4u em casa e viaja conectado.

Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

Compre ingressos para passeios e atrações turísticas em diversos países – evite filas!

✈️ Compre aqui as suas passagens aéreas e consiga as melhores tarifas e condições de pagamento!

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente

Ama animais, viagens e gastronomia, sempre tentando conciliar suas três paixões. Andou por mais de 60 países e está sempre programando a próxima viagem. O destino? Depende das promoções de passagens aéreas!

4 Comentários

  1. Super dica, Gabriela! Acabei de conseguir para orientar meus familiares no Brasil 🙂
    Muito legal que eles disponibilizem até mesmo em inglês. Está até bem feito. Eu vejo por aí muita gente se perguntando se é pra usar o papelzinho do SUS que se recebe no ato da vacinação.

    Diz a lenda que a Suíça está aceitando este comprovante do SUS. Resta vez 🙂

    Abraços

    • Olá, Mairon! Tudo bem?
      Também achei o sistema bem feito e estou na torcida para que esses certificados sejam amplamente aceitos após a reabertura da maioria das fronteiras. Aguardando as cenas dos próximos capítulos…
      Abraços e obrigada pela mensagem 😉

  2. Excelente post. Muito esclarecedor. Estou com um questionamento que não consigo esclarecer. Eu e meu marido fomos voluntários da vacina da Pfizer em Salvador. Estamos com viagem re- agendada para maio/22 ( espero que se realize) , a qual foi cancelada em setembro/20. Não constamos como vacinados nos sistemas do SUS, apesar de termos um comprovante do Estudo. Se precisarmos do certificado digital, não sabemos o que fazer.

    • Olá, Neusa! Tudo bem?
      Obrigada pela mensagem 😉
      No caso de vocês, recomendo que entre em contato com algum posto do SUS para saber o motivo de não estarem com as vacinas cadastradas no sistema. O procedimento para os voluntários pode ser diferente e eu não saberia lhe informar o motivo.
      Qualquer coisa estamos à disposição para ajudá-la.
      Abraços