Recife e Olinda: uma antiga história brasileira

Estivemos em Recife para fazer uma prova de concurso público e aproveitamos para ficar mais tempo e conhecer Olinda também. Fabrício já conhecia a cidade e eu não.

Finalmente pude andar pela orla da famosa Praia de Boa Viagem que eu conhecia mais pela música “La belle du jour” de Alceu Valença do que pelos ataques de tubarões. A praia mais famosa da capital é protegida por uma barreira natural de recifes que deram o nome à cidade.

A capital de Pernambuco é muito conhecida pelos ataques de tubarões que vêm fazendo vítimas fatais há anos. Vi várias placas sinalizando para esse risco e não entendo por que as pessoas ainda insistem em não obedecer e passam dos limites permitidos para banhistas.

Seja cuidadoso, afinal o mar é habitat dos tubarões.

Infelizmente, quando algo acontece, esses animais acabam sendo culpados pela população e meios de comunicação, mas na verdade os tubarões também são vítimas, e por causa da criação do Porto de Suape, acabaram sendo atraídos pela localidade atrás de comida devido ao grande tráfego de navios. Esses animais vêm sofrendo preconceito há muito tempo e, por causa de sua má fama, sofrem ataques por parte dos seres humanos, fazendo com que várias espécies estejam ameaçadas. Nós é que devemos tomar cuidado e respeitar a natureza.

Praia de Boa Viagem

Recife me lembrou Salvador, a minha cidade natal. Uma cidade grande, com beleza natural, mas com infraestrutura urbana decadente e ruas sujas e mal conservadas.

Recife vista de Olinda
Ruas da cidade

Como todos os posts daqui do blog, tudo o que escrevo é muito pessoal e essas foram as minhas impressões quando visitei a cidade. Infelizmente, ainda tenho aquele sentimento de “abandono” em relação a Recife.

Conversando com minha mãe que esteve na cidade há duas semanas, ela disse ter tido uma sensação diferente e fez elogios à cidade. Ainda me contou que achou o atendimento no geral muito bom e que a cidade estava arrumadinha.

Não podemos negar que a capital de Pernambuco é uma cidade turística e que vale a pena visitar (se puder, estenda a viagem até Olinda e Porto de Galinhas).

A Casa da Cultura de Pernambuco é ponto obrigatório de visitação na cidade, com diversas lojas de artesanato e lanchonetes que vendem iguarias típicas do estado.

Casa da Cultura de Pernambuco

A decoração interna é toda voltada para as raízes pernambucanas, dando ênfase ao frevo, ritmo musical e dança típica de Pernambuco.

É frevo pra todo lado!

Nesse lugar há muita história, pois antigamente o prédio era a Casa de Detenção do Recife e funcionou como penitenciária durante 118 anos.

Uma cela da época em que o local era presídio

Foi no local que experimentei pela primeira vez o Bolo de Rolo, um doce que parece um rocambole com várias camadas bem fininhas e recheio de goiabada. A-D-O-R-O!!!!!!

Impossível comer só uma vez!

A Casa da Cultura de Pernambuco funciona todos os dias nos seguintes horários:

Segunda a sexta: 09:00 às 19:00

Sábado: 09:00 às 18:00

Domingo: 09:00 às 14:00

Bem próximo à capital está o município de Olinda, situado na Região Metropolitana de Recife e uma das cidades coloniais mais bem preservadas do país. Passear pelas ruas de Olinda é uma viagem de volta ao passado, que nos dá a impressão de que o tempo parou naquele lugar.

As ruas de paralelepípedo e as casas coloridas de arquitetura colonial fazem desse Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade uma atração imperdível!

Roupas leves, garrafa d’água, sapatos confortáveis e disposição é tudo o que você precisa para explorar a cidade.

As igrejas de Olinda também me lembraram muito as de Salvador. O Mosteiro de São Bento, no estilo barroco, é uma obra de arte! Datado de 1597, foi local onde foi implantado o primeiro curso de direito no Brasil.

Quando vi a Igreja de São Bento por fora logo me lembrei de histórias que meus parentes me contaram quando eu era pequena sobre as igrejas com uma torre só. Diziam que a outra torre não era construída propositalmente pois, enquanto a obra não estava terminada, nenhum imposto era devido. Se é verdade ou não, eu não sei, mas sempre que vejo uma igreja de uma torre só é essa história que me vem à cabeça.

Igreja de São Bento por fora

Há ainda outras igrejas interessantes na cidade como a Igreja do Carmo, Convento de São Francisco e Catedral da Sé. É um passeio fascinante para quem gosta de arte sacra.

Uma parte do Convento de São Francisco

Olinda também não deixa você esquecer que o pernambucano valoriza muito a sua cultura e que no carnaval na cidade só toca frevo. Os bonecos gigantes e as sombrinhas são a sensação!!!

Eles estão espalhados pela cidade inteira, desde lanchonetes e lojas de artesanatos até imensos galpões onde podemos conhecer um pouco da história do carnaval na cidade.

Se for a Recife, não deixe de visitar a histórica Olinda. O passeio é realmente interessante e enche nossos olhos de cultura!

Organize sua viagem com a gente:

 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades – utilize o cupom de desconto exclusivo para leitores do blog! Digite: PROJETO1015 ao final da contratação.

Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em até 140 países! Você recebe o seu chip da Easysim4u em casa e viaja conectado.

Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

Compre ingressos para passeios e atrações turísticas em mais de 20 países – evite filas e ganhe descontos!

Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente

4 Comentários

  1. Gabriela Moniz

    Paula,
    não consegui achar Recife muito atraente e gostei de Olinda, principalmente por causa da história da cidade. Acho que devo uma outra visita a Recife para ver se me animo mais com a cidade. O que eu amei foi o bolo de rolo!!

  2. Paula B.

    Eu tinha toda uma história especial em relação a Recife, mas demorei bastante para conhecê-la. Depois fui três vezes seguidas, foi muito legal. Adoro a cidade e, tanto quanto, Olinda. Em Olinda curto as histórias do Brasil Colônia, os detalhes, me sinto num livro de história. Em Recife me sinto em férias, definitivamente – seria capaz de passar semanas e semanas por lá. Bom, sou suspeita, pois amo praia! BjO!!

  3. Gabriela Moniz

    Gostou do carnaval em Olinda?? Nunca estive lá nessa época e estou curiosa para saber 🙂

  4. Dudu Afora

    Que bacana o Post Gabi!!! Adoro essa região…eheheh… Passei um carnaval em Olinda, adorei. Abçs….

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados * *

Translate »