Nova York

Nova York: 6 coisas que não podem faltar na sua primeira visita à cidade

Que Nova York é uma cidade inesgotável, todo mundo já deve imaginar. Como diversas atrações são “must see”, é muito difícil colocar tudo o que gostaria de conhecer no roteiro, ainda mais quando se tem poucos dias na cidade.

Nos 5 dias que passamos por lá, não conseguimos ver tudo o que queríamos, mas podemos dizer que visitamos os principais pontos turísticos que todos os viajantes de primeira viagem não querem deixar de fora.

6 coisas que não podem faltar na sua primeira visita a Nova York

Listamos alguns passeios que achamos interessantes e que acreditamos que não podem faltar na sua primeira viagem a Nova York. Claro que há muito mais o coisas para se fazer na cidade, mas essa listinha abaixo é o bem básico, recomendado para quem passa de 4 a 5 dias na Big Apple.

Vamos lá?

#1 Caminhar pelo Central Park

Localizado em Manhattan, o Central Park é aquele lugar onde é possível esquecer, por um momento, a correria do dia a dia de uma grande metrópole e ter contato com a natureza, que brota literalmente do meio da selva de pedra. Rodeado de inúmeros arranha-céus, esse grande parque é local para prática de exercícios utilizado por muitos nova-iorquinos, mas também é uma atração turística procurada pelos batalhões de turistas que visitam Nova York todos os dias.

Visitamos o Central Park quando as folhas secas do outono já haviam caído e o inverno timidamente mostrava as caras. Vimos ainda alguns poucos restos de neve deixados pelo dia anterior, mas que rapidamente derretiam. No último dia nem parecia que havia caído a primeira neve daquele inverno.

Central Park em Nova York

Vimos paisagens lindíssimas, observamos os esquilos, que corriam em um ritmo frenético que mal permitiam que tirássemos uma foto decente, e visitamos um mosaico no chão chamado Strawberry Fields, que é um tributo ao  cantor John Lennon.

Podemos afirmar que o Central Park foi o local mais agradável por onde passamos durante a nossa viagem em Nova York.

#2 Visitar a Times Square durante a noite

A Times Square é uma área comercial lotada de edifícios com letreiros luminosos, de tal forma que andar por lá durante a noite é muito mais divertido do que durante o dia. Rodeada de lojas para todos os lados, essa meca do consumismo leva os turistas que gostam de compras à loucura. Para ser sincera, a loja que achei mais interessante foi a M&M’S World, que é a dos chocolates com o mesmo nome (lembra daqueles confeitos coloridos?).

Leia também: Vale a pena comprar o New York CityPASS?

Times Square

A Times Square está localizada na conjunção entre a Broadway e a 7ª Avenida, bem no centro de Manhattan, em uma área conhecida como Midtown Manhattan.

#3 Ver a cidade de cima

Cenários de inúmeros filmes, a ilha de Manhattan é famosa no mundo todo, principalmente pela quantidade de arranha-céus. Ter uma vista panorâmica de cima dos edifícios mais altos da cidade é um programa e tanto!

Arranha-Céus de Nova York

No alto a vista do Top of the Rock e abaixo a vista do Empire State Building de dia e de noite e a do One World Trade Center

Há 3 prédios muito famosos:

Empire State Building

Construído em 1931, composto de 102 andares e 381 metros de altura, foi considerado o edifício mais alto do mundo por quase 40 anos. O seu nome é em homenagem ao estado de Nova York, apelidado de Empire State, que significa Estado do Império.

A visita pode ser feita em 3 etapas:

  • 80º andar – onde há uma exibição de fotografias que contam a história do edifício;
  • 86º andar – é a plataforma principal, chamada de main deck, de onde temos uma vista de 360 graus da cidade. O deck de observação é ao ar livre e há grandes de proteção em todo o entorno;
  • 102º andar – é a plataforma superior, chamada de top deck. É o ponto mais alto que pode ser visitado e para isso se paga um valor maior (U$20 a mais).

Atualmente o Empire State Building não está nem entre os 10 mais altos do planeta, mesmo assim, o arranha-céu não perdeu seu encanto e continua sendo uma das grandes atrações de Nova York.

Dica: o New York CityPASS inclui a visita apenas até o 86º andar, entretanto, dá direito a duas visitas no mesmo dia! Assim é possível ver a vista de dia e de noite.

Horário de funcionamento: todos os dias das 8h às 2h

Valor do ingresso para o 86º andar:  adultos U$34, idosos U$31 e crianças U$27

Valor do ingresso para o 86º e o 102º andar: adultos U$54, idosos U$51 e crianças U$47

Obs: atração incluída no CityPASS

Deck de Observação do Top of  the Rock

O observatório do Top of the Rock está localizado no GE Building, um dos edifícios do Rockefeller Center. Construído em 1933, o edifício inicialmente tinha 69 andares. É justamente no 69º andar onde temos uma visão panorâmica da cidade.

Enquanto o Empire State tem uma grade de proteção na plataforma principal, no Top of the Rock a proteção é de vidro com pequenos espaços abertos entre eles, o que facilita bastante na hora de fotografar a paisagem.

Se subirmos mais um pouco, para o 70º andar, teremos a mesma vista do andar anterior, só que sem nenhum obstáculo na frente.

Horário de funcionamento: todos os dias das 8h às 23h

Valor do ingresso: adultos U$34, idosos U$32 e crianças U$28

Obs: atração incluída no CityPASS

One World Observatory

Sexto edifício mais alto do mundo e o mais alto das Américas, o One World Trade Center é o principal edifício do novo complexo do World Trade Center.

Concluído em 2014, o prédio ocupa uma área onde estava localizado o 6 World Trade Center, que foi danificado no ataque do 11 de setembro.

Horário de funcionamento: todos os dias das 9h às 20h e no verão, das 9h às 21:15h

Valor do ingresso: adultos U$32, idosos U$30 e crianças U$26

Obs: atração NÃO incluída no CityPASS

#4 Visitar os museus

Nova York tem museus incríveis e para todos os gostos! Sem dúvidas que os museus da cidade estão entre os mais interessantes que já visitamos. Mesmo que visitar museus não seja a sua atividade favorita durante uma viagem, não custa nada dar uma pesquisada no acervo dos museus mais visitados de Nova York, pois pode ser que você tenha uma grande surpresa.

Museus de Nova York

No sentido horário: o Metropolitan Museum of Art, o Museu e Memorial 11 de setembro e o Museu Americano da História Natural

Vejam alguns dos museus mais visitados:

Museu Americano da História Natural (American Museum of Natural History)

É um dos maiores museus do mundo e famoso pela sua vasta coleção de fósseis, destacando-se os das espécies de dinossauros. Sim, você verá esqueletos de dinossauros e diversos animais empalhados.

É um local de grande importância para aprendermos sobre a evolução das espécies de animais do mundo, desde a pré-história até a atualidade. Amamos visitá-lo!

Horário de funcionamento: todos os dias das 10h às 17:45h

Fechado no dia de Ação de Graças (Thanksgiving) e no dia do Natal.

Valor sugerido do ingresso: adultos U$22, idosos U$17 e crianças U$12,50

Obs: atração incluída no CityPASS

Metropolitan Museum of Art – The MET

Está entre é os museus mais visitados do mundo e contém uma incrível coleção de pinturas, esculturas e objetos de diversas parte do planeta. Lá vimos de perto obras de pintores famosos como Van Gogh, Picasso, Monet, Renoir, Caravaggio, dentre outros.

Horário de funcionamento: domingo a quinta das 10h às 17:3oh e sexta e sábado das 10h às 21h

Fechado no dia de Ação de Graças (Thanksgiving) e 25 de dezembro, 1 de janeiro e primeira segunda de maio.

Valor sugerido do ingresso: adultos U$25 e idosos U$17

Obs: crianças menores de 12 anos acompanhadas de um adulto não pagam

Obs: atração incluída no CityPASS

Memorial e Museu do 11 de setembro

O 9/11 Memorial & Museum foi construído em homenagem a todos que perderam suas vidas no ataque às Torres Gêmeas em 2001. Localizado onde ficavam as torres destruídas no ataque, o museu foi inaugurado em 2014 e conta com diversos objetos retirados após o atentado, como fragmentos de carros, aviões, motor de elevador, colunas de aço retorcidas, dentre outros.

Horário de funcionamento: domingo a quinta das 9h às 20h (última entrada às 18h) e sexta e sábado das 9h às 21h (última entrada às 19h)

Valor do ingresso: adultos U$24, idosos U$18 e jovens de 7 a 17 anos U$15

Obs: atração incluída no CityPASS

Museu de Arte Moderna – MoMA

Fundado em 1929, é um dos museus de arte moderna mais importantes do mundo. Com um acervo de mais de 100 mil peças, entre esculturas, pinturas, fotografias e desenhos, o MoMA é referência na arte moderna, abrigando obras de famosos como Van Gogh, Monet, Dalí, Picasso, dentre outros.

Horário de funcionamento: todos os dias das 10:30h às 17:30h e nas sextas o museu está aberto até as 20h

Valor do ingresso: adultos U$25 e idosos U$18

Obs: o museu é gratuito às sextas

Obs: jovens até 16 anos não pagam

Obs: atração NÃO incluída no CityPASS

Museu Gughenheim

Também é um museu de arte moderna, fundado em 1937 e que tem a sua arquitetura circular como uma atração, considerado por muitos como um dos edifícios mais bonitos de Nova York. A coleção permanente do museu é composta de obras de famosos como Picasso, Van Gogh e Cézanne.

Horário de funcionamento:

– Segunda, terça, quarta, sexta e domingo: das 10h às 17:45

– Sábado: das 10h às 19:45

Valor do ingresso: adultos U$25 e idosos U$18

Obs: aos sábados, das 17:45 às 19:45 pode-se pagar o valor que quiser (pay what you wish)

Obs: crianças até 12 anos não pagam

Obs: atração incluída no CityPASS, devendo optar se quer visitar esse museu ou o observatório do Top of the Rock

#5  Andar pela Ponte do Brooklyn

Construída sobre o Rio East, a Ponte do Brooklyn é uma das pontes de suspensão mais antigas do país, conectando os distritos de Manhattan e Brooklyn. Na época da sua construção, foi considerada a maior ponte de suspensão do mundo.

O que mais chama a atenção da ponte é a sua estrutura formada por cabos de aço que se conectam às torres, além do agradável caminho de madeira reservado a ciclista e pedestres.

Dica de hotel bom e barato no coração de Manhattan

Ponte do Brooklyn

Da ponte você também terá uma vista muito legal de Manhattan e seus arranha-céus. Se puder ir no final da tarde, terá a oportunidade também de contemplar um lindo pôr do sol.

#6 Visitar a Estátua da Liberdade

Grande símbolo do país, a Estátua da Liberdade foi um presente dado aos Estados Unidos pelo povo da França em 1886. Esse símbolo da liberdade americana foi construída por Gustave Eiffel, aquele que construiu a Torre Eiffel em Paris! Vale a pena visitar o monumento não só pela sua importância histórica, como também pela linda vista que temos de lá.

A enorme estátua está localizada na Liberty Island e o acesso se dá através de barcos que partem do Battery Park, em Manhattan, ou da Liberty State Park, em Jersey City.

O bilhete para visitar a estátua dá direito também a visitar outra ilha:

Ellis Island

Uma outra atração interessante para quem vai ao local é conhecer também a Ellis Island, uma ilha próxima onde está localizado o Museu da Imigração, que conta a história dos imigrantes que chegavam aos Estados Unidos.

Entre 1892 e 1954 essa ilha era o primeiro local onde os imigrantes europeus pisavam ao chegar à América buscando uma vida melhor. Todos os imigrantes passavam por uma triagem: quem estava doente ficava internado, aqueles que atendiam às exigências da imigração eram liberados e os inaptos eram deportados.

Afirmamos, sem dúvidas, que esse museu foi um dos mais interessantes de Nova York e aqueles que gostam de história adorarão conhecê-lo.

Dica de restaurante em Nova York

Estátua da Liberdade e Ilha Ellis

No sentido horário: a Estátua da Liberdade; a vista para Manhattan, a ilha Ellis e o Museu da Imigração

Horário de funcionamento: o primeiro ferry sai às 08:30h ou 09:30h (a depender da época do ano) e o último parte às 15:30h

Valor do ferry com direito à visita às duas ilhas: adultos U$18,50, idosos U$14 e crianças de 4 a 12 anos U$9

Obs: o último ferry que sai do Battery Park faz uma parada apenas na Liberty Island, não seguindo viagem até Ellis Island

Obs: atração incluída no CityPASS

Organize sua viagem com a gente:

🏢 Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

🏥 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades.

📱Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em até 140 países! Você recebe o seu chip da Easysim4u em casa e viaja conectado.

🚘 Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

💵 Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente 😉

13 Comentários

  1. Adorei a lista! Fiz quase tudo isso aí, mas como foi em 2012 essa viagem, o One Trade Center ainda não tinha sido terminado! Desde então quero voltar, principalmente pra subir lá, mas tb pq NY é sempre NY né?

  2. Todo mundo quer abraçar Nova York inteira na primeira viagem, né? Mas é uma cidade com tanta coisas para se fazer que fica difícil. Ótimo ter dicas para os viajantes que vão pela primeira vez!
    Eu incluiria um combo no Whitney Museum + High Line que fica logo ao lado 🙂

  3. Super concordo com as sugestões e sei que preciso voltar para andar muito mais pelo Central Park do que andei quando estive por lá. O básico do básico do Parque já me deixou encantadíssima! Optei por subir o Top of The Rock para também poder ver o Empire States do alto. Já a estátua, deixei de lado para fazer outras coisas , das milhares que se tem por lá! NY é demais! Ótimas dicas! 🙂

  4. Vc citou quase tudo que tenho vontade de fazer em Nova Iorque. Sem dúvidas o Cetral Park é o numero 1 da lista. 😀

Trackbacks for this post

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados * *

Translate »