Informações importantes sobre o Vale Sagrado dos Incas

Informações importantes sobre o Vale Sagrado dos Incas

Última atualização em por

Localizado nos Andes peruanos, o Vale Sagrado dos Incas consiste em uma série de sítios arqueológicos onde povos (inclusive pré-Incas) viviam ou cultuavam os seus deuses no passado, formando verdadeiros museus a céu aberto. São locais muito importantes para que a gente consiga entender a cultura dos povos que ali habitavam e a formação da sociedade comandada pelo Império Inca.

Inclusive, para compreender melhor a história de Machu Picchu, a visita aos sítios do Vale Sagrado é essencial, pois, embora Machu Picchu seja a “menina dos olhos” do Peru, há povoados do Vale Sagrado que são bem mais antigos que a famosa cidade perdida dos Incas.

Informações importantes sobre o Vale Sagrado dos Incas

Dica nº 1: Visite o Vale Sagrado antes de visitar Machu Picchu. É sempre melhor conhecer a atração mais esperada no final!

Dica nº 2: Se tiver disponibilidade, faça os passeios em mais de um dia. Nós fizemos em 2 dias e mesmo assim foi um pouco corrido.

O que preciso saber antes de visitar o Vale Sagrado?

Antes de mais nada, para conhecer os sítios, é necessário comprar o BOLETO TURÍSTICO, que é o ingresso para as atrações. Esse boleto é adquirido no escritório do Comite de Servicios Integrados Turistico Culturales-Cusco (COSITUC), localizado próximo à Plaza de Armas de Cusco.

Há diferentes tipos de boletos turísticos, que são divididos da seguinte forma:

Boleto Turístico para o Circuito I

  • Locais: Saqayhuaman, Q’enqo, Puca Pukara e Tambomachay
  • Validade:  1 dia
  • Valor: 70 soles

Boleto Turístico para o Circuito II

  • Locais: Museo Municipal de Arte Contemporáneo, Museo Histórico Regional, Museo de Sitio de Qorikancha, Monumento a Pachacuteq, Pikillaqta e Tipon
  • Validade: 2 dias
  • Valor: 70 soles

Boleto Turístico para o Circuito III

  • Locais: Pisac, Ollantaytambo, Chinchero e Moray
  • Validade: 2 dias
  • Valor: 70 soles

Boleto Turístico Geral

  • Locais: todos dos circuitos I, II e III
  • Validade: 10 dias
  • Valor: 130 soles

Veja no mapa abaixo cada um dos circuitos incluídos no boleto turístico. Não incluímos os museus e monumentos localizados no centro de Cusco.

Para facilitar, marcamos os sítios com cores diferentes de acordo com o respectivo circuito:

Amarelo: atrações do circuito I

Vermelho: atrações do circuito II

Azul: atrações do circuito III

Obs: Para valores atualizados, acesse o site oficial do COSITUC.

A cada ida a um dos sítios abarcados pelo boleto, os visitantes devem apresentar o ingresso, que será furado em cima da foto constante no boleto turístico.

boleto-turistico-vale-sagrado-incas

Compramos o boleto turistico geral

Endereço do COSITUC: Galerías Turísticas na Av. El Sol – dentro da Municipalidad Del Cusco

Horário: Segunda a sábado, das 8h às 18h e domingo, das 8h às 13h.

ATENÇÃO: o boleto turístico não inclui a entrada a Machu Picchu nem guia ou transporte. A validade do bilhete começa no momento da aquisição e só pode ser utilizado uma única vez em cada atração.

++ Contrate aqui os passeios saindo de Cusco para o Vale Sagrado e outros locais e viaje com tranquilidade++

Como se locomover no Vale Sagrado?

Tours privado ou em grupo: os valores variam de 30 a 70 soles por pessoa, aproximadamente, e é aquele onde você contrata uma empresa ou um guia com carro para te levar ao Vale Sagrado.

Ônibus, por contra própria: basta pegar ônibus para os destinos e seguir viagem de sítio em sítio (às vezes é necessário também pegar um táxi).

Carro próprio ou alugado: essa foi a nossa opção! Como viajamos para o Peru em nosso carro, contratamos um guia e conhecemos todos os locais que fazem parte dos três circuitos. Pagamos U$70 pelos dois dias e dividimos esse valor com todos os ocupantes do nosso carro (4 pessoas).

Roteiro de 2 dias

Nosso roteiro pelo Vale Sagrado durou 2 dias e visitamos os seguintes pontos:

Dia 1: Tipon, Pikillaqta, Andahuaylillas (pago à parte), Pisac, Tambomachay, Puka Pukara, Q’enqo e Saqsayhuaman

Dia 2: Chinchero, Moray, Salineras de Maras (pago à parte), Ollantaytambo

Obs: O Monumento Pachacuteq, o Museo de Sitio de Qorikancha, o Museo de Arte Contemporáneo e o Museo Histórico Regional estão localizados em Cusco e nós visitamos todos esses lugares durante a nossa estadia na cidade.

Outros posts sobre o Peru:

Organize sua viagem com a gente:

 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades – utilize o cupom de desconto exclusivo para leitores do blog! Digite: PROJETO1015 ao final da contratação.

Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em mais de 100 países! Você recebe o seu chip do O meu chip em casa e viaja conectado. Utilize o cupom  P101P  e tenha 15% de desconto!

Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

Compre ingressos para passeios e atrações turísticas em diversos países – evite filas!

✈️ Compre aqui as suas passagens aéreas e consiga as melhores tarifas e condições de pagamento!

Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente

Ama animais, viagens e gastronomia, sempre tentando conciliar suas três paixões. Andou por mais de 60 países e está sempre programando a próxima viagem. O destino? Depende das promoções de passagens aéreas!

20 Comentários