Dois dias em Viena: roteiro turístico pela capital austríaca

Dois dias em Viena: roteiro turístico pela capital austríaca

Última atualização em por

O que fazer em dois dias em Viena? Será que dois dias são suficientes para visitar os principais pontos turísticos da capital austríaca? Veja aqui o nosso roteiro turístico pela cidade. 

Depois de visitarmos Bratislava, chegou a vez de conhecer Viena. Há muito tempo eu queria visitar o país de Mozart, Beethoven, Schubert e Strauss e, quem sabe, até assistir a um concerto.

Entretanto, a nossa passagem pela capital da Áustria foi muito rápida e acabou sendo mais um reencontro de grandes amigos que propriamente um passeio turístico.

Decidimos ir a Viena por três motivos:

  • Não conhecíamos a cidade;
  • Sua proximidade de Bratislava (apenas 1 hora de trem);
  • Um grande amigo que Fabrício não via há quase 20 anos mora lá.

⚠️O seguro viagem, com cobertura mínima de 30 mil euros, é obrigatório para entrar na Europa.

Após passearmos por alguns países do Leste Europeu e aproveitarmos o baixo custo para turismo no continente, a chegada na Áustria deixava claro que, apesar da fronteira com países do leste, o turismo agora seria um pouco diferente.

Assim que chegamos à estação de trem e fomos pegar o metrô para o centro já vimos duas diferenças gritantes em relação ao transporte público de muitas outras capitais europeias: a limpeza e o valor.

É justamente na estação de metrô que geralmente vemos pessoas pedindo dinheiro, paredes pichadas e lixo no chão. Mas em Viena nada disso existe; é realmente super primeiro mundo!!!!

Por outro lado, o bilhete único que dá direito a uma viagem custa 2,40€ (mais caro que em capitais como Paris e Roma!). Já  o passe de 24 horas custa 8€!

Mas não é só o metrô que faz de Viena uma cidade dispendiosa. Entrada de museus, refeições e até mesmo lembrancinhas fazem um pouco de diferença no bolso, mas nada que não faça o passeio valer a pena, ainda mais se você quiser conhecer o verdadeiro primeiro mundo!!

Para ser sincera, Viena, junto com Estocolmo, está entre as capitais mais impecáveis que conheci em minha vida (agora que já conhecemos a Suíça, pode colocar também ela no bolo dos países caros!). Mesmo com as ruas cheias de turistas tudo continuava extremamente organizado. Isso sem falar na arquitetura deslumbrante!

Dois dias em Viena: o que fazer na cidade

1- Justizpalast e Parlamentsgebäude

Começamos o passeio na Schmerlingplatz, uma praça que fica bem em frente ao Palácio da Justiça – Justizpalast – uma construção neo-renascentista do século XIX.

Bem próximo ao local está o Parlamentsgebäude, o Parlamento Austríaco, um prédio belíssimo com colunas gregas na parte da frente, que deram um toque charmoso à construção.

Parlamento Austríaco

Na frente do Parlamento Austríaco

É possível fazer uma visita guiada ao Parlamento com duração aproximada de 55 minutos de segunda a sexta das 09:00 às 15:00. O tour é feito com guias que falam inglês ou alemão.

2- Rathaus

Outra construção linda é a sede da prefeitura da cidade, denominada de Rathaus em alemão (primeira foto do post). Construída entre 1825 e 1883, o prédio ao estilo gótico possui torres muito semelhantes às das catedrais góticas.

Como faltavam 10 dias para o Natal, a praça em frente à prefeitura estava completamente decorada com as barracas que vendiam comida e artigos natalinos.

Rathaus Viena

Também é possível fazer uma visita guiada pela prefeitura nas segundas, quartas e sextas às 13:00 (exceto nos feriados). O tour é feito em alemão e o legal é que é grátis e ainda há audio guide em inglês, francês, italiano e espanhol!

3- Hofburg

Ainda no centro de Viena há um passeio imperdível: o Palácio Imperial de Hofburg, a sede da presidência da Áustria, que também abriga a Biblioteca Nacional Austríaca, a Escola Espanhola de Equitação e os museus.

Palácio Imperial de Hofburg

Grandes amigos se reencontram – Palácio Imperial de Hofburg

No Kaiserliche Schatzkammer estão expostos os tesouros imperiais de Viena como os objetos pessoais e joias dos imperadores austríacos.

Visitar esse museu é aprender um pouco da história do Império Austríaco e ver a riqueza da monarquia, como as vestes luxuosas, joias magníficas, além de muitos quadros, objetos pomposos utilizados pela realeza e artigos religiosos.

Hofburg Coroa de Rudolf II

A coroa do Imperador Rudolf II

O museu está aberto todos os dias, exceto nas terças, das 09:00 às 17:30 e há opções de audio guide em alemão, inglês, italiano e francês que são pagos à parte.

4- Stephanskirche 

Para quem gosta de visitar igrejas, a visita à Catedral de Santo Estevão – Stephanskirche – é parada obrigatória! A sede da arquidiocese de Viena é uma das catedrais góticas mais antigas da Europa.

Essa obra prima do século XII  é linda por fora e por dentro e há ainda um passeio muito interessante e barato – custou 5€ na época- pelas catacumbas.

Esse passeio é muito legal por causa do guia, um senhor muito figura, que nos guia em inglês e alemão e faz caras e bocas com seus olhos arregalados, o que deixa os visitantes muito satisfeitos com o passeio. Vale muito a pena!

Stephanskirche

A igreja por fora (em reforma) – detalhe para o telhado

catedral de Santo Estevão Viena

Interior da catedral de Santo Estevão

5- Schloss Schönbrunn

Um pouco mais distante do centro da cidade está localizado o Palácio Schönbrunn – Schloss Schönbrunn – que é conhecido como o Palácio de Versalhes de Viena.

Esse Patrimônio Mundial da Unesco foi antiga residência de verão dos Habsburgos e local onde a Imperatriz Leopoldina morou até se casar com D. Pedro I.

Palácio Schönbrunn

Palácio Schönbrunn

jardins do Palácio Schönbrunn

Os jardins do Palácio

Uma das maiores atrações de Viena, há muitos turistas no local e as filas são imensas, principalmente nos finais de semana.

Não conseguimos visitar o Palácio por dentro por causa da longa fila, pois teríamos que esperar mais uma hora para poder entrar e tínhamos compromisso com o nosso amigo austríaco.

O palácio está aberto todos os dias nos seguintes horários:

  • 1 de abril a 30 de junho – 08:30 às 17:30
  • 1 de julho a 31 de agosto – 08:30 às 18:30
  • 1 de setembro a 31 de outubro – 08:30 às 17:30
  • 1 de novembro a 31 de março – 08:30 às 17:00

++ Compre aqui ingressos para as atrações turísticas em Viena e evite filas!++

6- Wiener Zentralfriedhof

O último passeio que fizemos na cidade foi uma visita ao cemitério central de Viena, Wiener Zentralfriedhof.

O amigo de Fabrício sugeriu esse passeio pelo fato do local ter túmulos de várias pessoas super famosas, como Beethoven, Brahms, Schubert, Strauss, dentre outros compositores, escritores, poetas e políticos.

túmulo de Franz Schubert

O túmulo do compositor Franz Schubert

Dentro do cemitério há uma igreja com um mausoléu onde são sepultados vários presidentes da Áustria.

Gastronomia em Viena

Em Viena também há charmosíssimos cafés e fomos conhecer o Café Imperial, que fica dentro do luxuoso Hotel Imperial. O ambiente é de café de filme europeu antigo, com uma decoração requintada, comida gostosa e bom atendimento.

Este café está no nosso post sobre  5 cafés europeus para comer e apreciar!

Café Imperial Viena

O strudel que comemos no Café Imperial

Tivemos também a oportunidade de comer a comida austríaca na casa do amigo de Fabrício, aquele da foto lá em cima, que hoje é casado e tem dois filhos fofíssimos!

O que nos chamou a atenção é que as crianças ajudam nas tarefas de casa, como arrumar e tirar os pratos da mesa.

Experimentamos dois tipos de sopas, acompanhadas de pães diferentes, além de termos sido recebidos com um jantar tipicamente austríaco com carne de porco, chucrute (repolho fermentado), um bolo feito de pão e strudel de maça de sobremesa!

Jantar austríaco

Jantar austríaco com entrada, prato principal e sobremesa!

Para fechar com chave de ouro essa experiência gastronômica, ainda tivemos a oportunidade de visitar os Christmas Markets, que são as feirinhas de Natal, super famosas na Europa.

Hospedagem em Viena

Durante os dois dias que passamos em Viena, ficamos hospedados no  Novotel Suites Wien City um hotel confortável e com um ótimo custo-benefício.

O hotel não está localizado bem no centro da cidade, mas também não está distante e há uma estação de metrô muito perto dele.

Valeu a pena visitar Viena em apenas dois dias?

Nossa passagem por Viena foi rápida e intensa! Eu gostaria de ter visto artistas de rua tocando músicas clássicas, como muitas pessoas me falaram que era comum na cidade. Mas a nossa viagem foi em pleno inverno, época em que não é comum ver apresentações ao ar livre.

Também não tivemos tempo nem de pensar a ir a um concerto porque nosso roteiro foi muito corrido e acabamos sem fazer algumas coisas que estavam planejadas.

De qualquer forma, valeu muito a pena passar esses dois dias em Viena. No final das contas, foi bom do jeito que foi, pois assim temos uma desculpa para ter que voltar a Viena!!!

Leia também:

Organize sua viagem com a gente:

 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades – utilize o cupom de desconto exclusivo para leitores do blog! Digite: PROJETO1015 ao final da contratação.

Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em mais de 100 países! Você recebe o seu chip do O meu chip em casa e viaja conectado. Utilize o cupom  P101P  e tenha 15% de desconto!

Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

Compre ingressos para passeios e atrações turísticas em diversos países – evite filas!

✈️ Compre aqui as suas passagens aéreas e consiga as melhores tarifas e condições de pagamento!

Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente

Ama animais, viagens e gastronomia, sempre tentando conciliar suas três paixões. Andou por mais de 60 países e está sempre programando a próxima viagem. O destino? Depende das promoções de passagens aéreas!

8 Comentários

  1. Geralmente nos pacotes chamados de Leste Europeu, Viena está em todos eles, não é toa que já o fiz 2 vezes, se acontecer de pintar uma outra viagem, Viena também poderá ser repetida tranquilamente. Acho que a minha última foi no verão europeu de 2010. P.S.: Acompanhe um blog Viva Viena, é de uma brasileira que mora em Viena e sempre tem ótimas dicas sobre a cidade. Abraços!

  2. Ok então, vou te esperar.Quanto a morar aqui, eu nem imaginava vir parar deste lado do mundo e sinto uma sorte grande de poder Meu marido é um autêntico vienense, conhece muita coisa e muitos lugares bacanas. Da próxima vez poderemos fazer um roteiro por alguns lugares fáceis de ir de carro. E também será ótimo conhecer você e o seu marido pessoalmente. Abraços! 🙂

  3. Ai que inveja que eu tenho das pessoas que moram na Europa rssss
    Como foi a primeira vez na Áustria, fiz esse passeio básico por Viena e nosso amigo nos levou para conhecer as ruínas de Scharfeneck. Adorei o passeio e preciso muito voltar. Ah, pode ter certeza que entrarei em contato 😉
    Abraços e aproveite a Páscoa!

  4. Ahhhhhhh e vocês tem que voltar para conhecer o bairro mais importante de Viena, rsrsrs… Floridsdorf – bairro 21, (onde eu moro) e tomar um café conosco! 🙂
    Eu simplesmente amo Viena e ó, posso te dizer que em 2 anos aqui não tenho mais vontade de voltar.
    Espero que na próxima vez, possamos nos encontrar e ai vou te levar a lugares próximos a Viena que irá amar. Abraço e ótima Páscoa!