Viajando entre Estônia, Letônia e Lituânia

Vai viajar pelos países bálticos e não sabe como fazer para se locomover entre eles? Já pensou na viagem de ônibus? Não dói no bolso e você ainda pode aproveitar para apreciar uma paisagem diferente. Fizemos essa viagem e recomendamos!

No nosso roteiro, chegamos a Tallinn de avião, fomos de ônibus até Riga e depois pegamos outro ônibus até Vilnius. Encontramos duas empresas que fazem esses percursos: a Ecolines e a Lux Express, mas só viajamos com a primeira  porque não conseguimos comprar as passagens pelo site da Lux Express.

Após a compra, recebemos um email de confirmação com as passagens anexadas e precisamos apenas imprimi-las para apresentarmos nos embarques juntos com os nossos passaportes.

A viagem de ônibus foi a forma mais econômica que encontramos para o deslocamento entre os 3 países e tudo foi muito fácil, desde a compra das passagens até a chegada aos pontos de embarque. Fizemos os seguintes trechos pela  Ecolines: Tallinn – Riga  e Riga – Vilnius.

Compramos todas as passagens pela internet, sendo que uma passagem eu paguei via paypal e a outra no cartão de crédito. No momento da compra é preciso escolher o assento.

Os ônibus possuem ótimos sistemas de calefação (essencial para quem vai pra lá durante o inverno), banheiro, máquina de café e telas individuais de entretenimento de bordo com filmes em inglês, além de wifi, que funcionou relativamente bem.

⚠️O seguro viagem, com cobertura mínima de 30 mil euros, é obrigatório para entrar na Europa.

#Viagem 1 – Tallinn a Riga

No primeiro trecho, escolhemos o horário das 08:00 para chegar cedo a Riga. Os passageiros devem chegar com alguma antecedência (entre 1 hora a 30 minutos antes da partida) e nós, precavidos que somos, sempre chegamos com folga.

A estação de ônibus em Tallinn, chamada no idioma deles de Autobussijamm, está localizada na Lastekodu tn. 46. O local é de fácil acesso e chegamos lá de tram (bonde elétrico).

Veja no mapa abaixo sua exata localização:

Como nosso ônibus partia às 08:00, chegamos por volta das 07:30 e ainda estava totalmente escuro, pois nesses países o sol nasce bem tarde durante o inverno. Não preciso dizer que saímos pontualmente e que ainda estava a maior escuridão, né?

A estação de ônibus de Tallinn é super moderna e tem banheiro, lanchonete e até aquelas telinhas de aeroporto com os horários dos ônibus e as plataformas de embarque. Fazia muito frio e preferimos esperar do lado de dentro sentados e aquecidos. Quando faltavam uns 10 minutos para o embarque, nos dirigimos até a plataforma correta, onde tivemos que mostrar as passagens (que foram carimbadas) e os passaportes. Havia uma pessoa para colocar etiquetas nas malas e deixá-las no compartimento de bagagens. O ônibus saiu no horário marcado.

Ecolines Tallinn Riga

Telas informando sobre os horários e plataformas dos ônibus, o ônibus que nos levou até Riga e a salinha de espera

Cada assento tinha uma telinha individual com jogos e vários filmes (no idioma deles e em inglês). Não achei os jogos interessantes e passei uma parte da viagem assistindo ao filme “Meu Malvado Favorito”! O wifi tinha altos e baixos, mas dava conta para quem quisesse acessar as redes sociais.

Dentro Onibus Ecolines

Os assentos com telas individuais

O ônibus que fez o trecho Tallinn – Riga passou por um controle de imigração, onde um policial entrou no veículo e pediu para que mostrássemos os documentos. Achei até estranho porque os três países bálticos fazem parte do Acordo de Schengen, que prevê a livre circulação de pessoas dentro dos países signatários. Mas foi uma fiscalização rápida e que não tomou muito tempo da viagem.

Todo o percurso foi tranquilo e demoramos 4 horas e 25 minutos para chegar a Riga (exatamente a duração que foi informada no ato da compra das passagens).

Estrada Tallinn Riga

Paisagens entre Tallinn e Riga

Cada passagem teve um custo de €16,50 (valor em novembro de 2015), entretanto, vimos anúncio de passagens entre esses dois países por €5,00, em abril de 2016.

#Viagem 2 – Riga a Vilnius

No segundo trecho, compramos passagens com saída às 11:00 da manhã e chegamos à estação de ônibus de Riga com antecedência de 40 minutos. Esta estação é bem diferente da de Tallinn, que era mais moderna. No local também há calefação, banheiro e restaurantes, mas achamos o ambiente meio precário quando comparamos com a de Tallinn (mas nada parecido com as estações rodoviárias brasileiras, que são bem piores, rs). Na Letônia, rodoviária chama-se Autoosta e chegamos e saímos do país pela mesma estação, que fica no seguinte endereço: Pragas iela 1.

Veja abaixo a sua localização:

Como não vimos telas com avisos sobre os próximos ônibus, não demoramos para ir para a plataforma que fica do lado de fora. O procedimento de embarque foi o mesmo que na primeira viagem, onde etiquetaram as malas e verificaram os passaportes.

Ecolines Riga Vlnius

Estação de ônibus de Riga

Esse ônibus era mais moderno que o primeiro e tinha serviço de bordo pago. Atrás de cada assento, havia um cartaz com os valores das comidas e bebidas, entretanto não pedimos nada.

O entretenimento de bordo era o mesmo da primeira viagem e dessa vez eu aproveitei mais a paisagem, pois estava nevando bastante e aquele visual era simplesmente LINDO!

Dentro Onibus Riga Vilnius

O ônibus onde fizemos a viagem de Riga a Vilnius

Onibus Riga Vilnius Ecolines

Tudo novinho!

Paisagem estrada de Riga a Vilnius

Paisagens da viagem entre Riga e Vilnius

Mesmo com a neve caindo na pista, a viagem teve a duração prevista de 4 horas e dessa vez não houve controle de imigração. Chegamos a Vilnius às 15:00 e ainda estava claro (uma hora depois começou a escurecer).

Cada um desembolsou €17,00 (valor em novembro de 2015), porém vimos passagens mais baratas na época, só que com horários que não eram interessantes pra gente.

Em Vilnius, a rodoviária (Autobusu stotis) fica na Sodu g. 22. Essa a mesma estação onde pegamos ônibus para Trakai e para o aeroporto.

Segue mapinha para ajudar na localização:

Gostamos de ter viajado pela empresa e acreditamos que essa realmente seja a maneira mais simples e econômica de se locomover entre esses países. Uma pena não termos conseguido comprar um trecho pela Lux Express para poder fazer uma comparação entre as duas, mas a Ecolines atendeu às nossas expectativas: passagem com preço baixo, conforto e entretenimento de bordo.

Achou legal? Assista a esse pequeno vídeo mostrando a paisagem da viagem de Riga a Vilnius e os primeiros momentos na capital da Lituânia:

Leia também:

Organize sua viagem com a gente:

🏢 Reserve seu hotel agora através do nosso link de afiliado do Booking.com. Algumas reservas podem ser canceláveis – verifique as regras antes de efetuar a sua. Você não paga nada a mais e ainda ajuda o Projeto 101 Países!

🏥 Imprevistos podem acontecer e nada melhor do que ter uma boa assistência médica no exterior caso seja necessário. Faça a contratação com a gente e escolha o melhor seguro para as suas necessidades.

📱Saia do Brasil com um chip internacional que tem cobertura em até 140 países! Você recebe o seu chip da Easysim4u em casa e viaja conectado.

🚘 Alugue um carro pagando em reais e sem a incidência de IOF. Faça uma comparação dos valores de aluguel de carro pelo mundo com a Rentcars e escolha a melhor opção para você.

💵 Faça uma cotação de moeda estrangeira, encontre as melhores taxas de câmbio e compre euro, dólar, libra e outras moedas estrangeiras aqui.

Cada vez que você contrata algum desses serviços por aqui, você está ajudando a manter o nosso blog. Gostou das informações encontradas aqui e elas estão lhe ajudando a programar a sua viagem? Que tal dar uma ajudinha?

Não vai viajar agora, mas gostou do que encontrou aqui? Faça um comentário aqui no post e deixe um blogueiro feliz! A sua opinião é muito importante pra gente 😉

12 Comentários

  1. Poxa que dica legal. A minha experiência com ônibus na Europa é só na Espanha e é sofrível.

    • As minhas experiências de viagem de ônibus na Europa foram, na maioria, muito boas. Apenas um ônibus que peguei na Itália que não foi muito legal como os outros, mas isso por causa de atrasos da empresa, não pelo conforto em si.

  2. Ônibus com TV individual?! Essa eu não tinha visto ainda… Curto ver um filme para a viagem passar mais rápido! Minha última experiência com ônibus na Europa, foi em uma day trip de Helsinki até Porvoo, na Finlândia, ônibus confortável e viagem curta. Vale considerar para economizar. Ótimo post, bem detalhado! bj

  3. E eu que nunca havia pensando em conhecer Estônia, Letônia e Lituânia estou aqui amando as dicas de vocês! Quem sabe, no futuro, a gente inclua essa região em uma viagem nossa, né?
    Valeu as dicas 🙂

  4. Ótimo post, bem explicadinho! Estou muuuito de olho nessa região!

  5. Eu fiz vários desses trajetos nos Bálticos e gostei muito dos ônibus, os trens pelo que lí são bem lentos. Os ônibus são bem equipados, ahhh! Fiz com a Lux express =)

  6. Viajar para países com neve no inverno deve ser fantástico! Ver a paisagem toda branquinha 🙂
    Confesso que não gosto muito de andar de autocarro (ônibus) e prefiro o comboio, chegaram a ver essa opção? Mas gostei muito desses da Ecolines, os bancos parecem confortáveis e é sempre bom ter algum tipo de entretenimento durante a viagem (para além da paisagem).

    • Olá, Catarina!
      Chegamos a pesquisar a viagem de trem, mas todos os sites indicavam fazer esses percursos de ônibus e não conseguimos encontrar informações confiáveis sobre os trens. A Ecolines é uma boa empresa e toda a comparação que faço aqui é em relação ao Brasil, pois todos os ônibus que peguei na Europa foram ótimos 😉
      A paisagem com neve é encantadora!
      Beijos

Trackbacks for this post

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados * *

Translate »